Casa da Doula
Doula

Quem doula a Doula?!

 

Tudo pode ter começado em um processo lento, se envolvendo com gestantes, partos lindos ou assustadores.

Ou o desejo veio com tudo, inundando o peito junto com o leite após um parto maravilhoso.

Ou ainda veio como um contínuo processo de cura, pelas falsas verdades que aceitaram, pelo não parto vivido.

O que têm todas em comum é que antes de ser a Doula,  de voz suave e toque certeiro, são mulheres, mães, filhas, amigas. E para exercer bem a profissão precisam de apoio, suporte e orientações contínuos como qualquer profissional. Parimos todos os dias.

Sim querida colega de vocação, quem cuida de você?

Tão importante quanto nosso amor e conhecimentos é uma boa rede de contatos e um bocado bom de organização, principalmente às mulheres que abriram mão do antigo emprego para se dedicar exclusivamente a doulagem.

Dicas para Doulas

Trocar experiências: com outras doulas é sempre enriquecedor, existem diversos grupos no facebook para suporte, são essenciais principalmente quando não tem outras na mesma cidade. Se na sua cidade tem outras doulas se juntem para conversar! Vale lembrar que apesar de inicialmente parecerem concorrentes a escolha é da mulher, que fará isso por afinidade. Cada doula é única, no seu modo de agir, falar, etc.

Rede de Apoio: Se você tem filhos é essencial ter com quem contar, afinal partos acontecem muito no período da noite, ter quem cuide da sua cria é vital. Conheça também os profissionais da sua cidade que possam dar suporte às gestantes, como nutricionista, Gos, Eos, fisioterapeutas, psicólogos. Tenha uma lista também de taxis caso precise.

Metas e planejamentos: Agora você é um profissional autônomo, precisa saber onde você está e onde quer chegar, metas de atendimentos, planejamento de encontros, divulgação, palestras é fundamental. Com tudo organizado seu tempo e trabalho rendem muito mais sem sacrificar sua vida pessoal.

Contabilizar: Doulas não vivem de AMOR, infelizmente. Coloque no papel seus gastos e entradas, uma planilha financeira pode te ajudar muito a visualizar a curto e longo prazo se sua vida financeira está saudável.

Cuide de você: Como poderá oferecer suporte à mulheres se estiver cansada, doente ou fragilizada? Ter um psicólogo para conversar sobre as experiências de parto podem ser uma boa, como também reservar um tempo para atividades físicas, leitura (sem ser sobre parto e afins), namorar e se divertir. Seu corpo e mente são suas principais ferramentas de trabalho, cuide deles com carinho.

Toda Doula precisa de uma Doula, ou várias 😉

Chá de Bebê
Previous Post Next Post

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply