nasceu, primeiras impressões, relato de parto

NASCEU!

Eis que, enfim, no dia 19 de dezembro, às 18:39, em casa, na piscina, nasce Amora! O dia mais emocionante da minha vida. O dia que eu me transformei, me curei, me superei. O relato de verdade tá aqui, mas é claro que eu não poderia deixar de contar as minhas primeiras impressões nesse post.

A verdade é que foram mais de nove meses de espera, frequentando grupo de apoio ao parto, lendo tudo e todos, escrevendo listas, fazendo planos. Mas aí, mesmo assim, na hora que peguei minha filha nos braços eu só conseguir pensar MEU-DEOS-ELA-EXISTE-MESMO-E-TÁ-AQUI-AGORA.

nasceu1

Desde lá, já ouvi muita coisa estranha, tipo:

”Nossa, ainda bem que a orelha dela é coladinha”

”Quanto cabelo! Mas vai cair tu-do. Vai ficar tão feinha a bichinha.”

”Será que o pé dela é normal?”

nasceu2

Certeza que não consigo disfarçar minha cara de WTF?

Já pude matar minha curiosidade em relação a um monte de coisas. Passei a gravidez inteira interrogando mães sobre vários assuntos e muitas vezes ficava noiada confusa com o que ouvia. Então, grávida, não saia acreditando que tudo vai acontecer igualzinho com você. Ao mesmo tempo que querem/precisam te alertar sobre coisas importantes, tem muita gente que quer passar seus medos/frustrações. O negócio é relaxar e esperar a sua história porque cada uma é diferente da outra. O que mais me dava medo?

 

”Os primeiros 15 dias são os piores”

Por aqui tá tudo tranquilo. Os primeiros dias foram bem divertidos, por sinal. É tudo muito novo e legal de assistir. Ela dorme de três a quatro horas seguidas, então eu esperava um perrengue maior.

 

”Meu peito rachou/sangrou/caiu”

O primeiro dia foi ok. No segundo dia, eu tava nível mulher melão. No terceiro, fiquei assustadíssima. Mamilo um pouco ferido, peito muito inchado. Mas aí a nossa parteira linda veio nos fazer uma visita e me instruiu. No dia seguinte já estava bem melhor. Fazia massagem, ordenha. Mais um dia e já tava tudo certo. Então acho que o negócio é pedir ajuda assim que os primeiros problemas aparecerem.

 

”Tudo cheira a leite azedo. Perdi completamente a vontade de fazer sexo”

Vivo perguntando se tô com cheiro de leite e a resposta é sempre não. E não vou entrar em detalhes, mas eu tô parecendo a namorada do Sheldon.

nasceu3

 

”A minha vizinha se rasgou toda no parto”

Não sei se foi a água, os exercícios de kegel, sorte ou apenas o fato de não ter feito força, mas em mim não rasgou nadinha, nadinha, nadinha, queridan.

Na maioria das vezes, quem diz isso não sabe que pode ter sido um caso de violência obstétrica, que quem rasgou foi o médico, na pressa da criança nascer logo. Raramente a episiotomia é necessária e raramente ocorre uma grande laceração (principalmente num parto domiciliar).

 

”Minha barriga voltou ao normal uma semana depois”

A minha barriga murchou! No dia seguinte, parecia que eu estava grávida de seis meses. No outro dia, de quatro meses, e assim vai. Tive aquela impressão que os órgãos estavam balançando dentro de mim, mas foi por pouco tempo. A estrias que apareceram na gestação encolheram e ficaram mais claras. Usei a cinta pouquíssimas vezes. Ela realmente dá uma sensação boa de segurança, mas pra mim foi desconfortável.

 

”Meu filho saiu de casa só depois que tomou todas as vacinas”

Quando Amora estava com nove dias eu não aguentei mais. Colocamos ela no sling e fomos dar uma volta. Aproveitamos para passar no mini-supermercado aqui perto e, creia, não passei nem 15 minutos lá dentro e já fui bombardeada de perguntas e olhares assustados.

 

QUE PEQUENO! QUANTO TEMPO?

Nove dias

E JÁ TÁ NA RUA? E TU JÁ TAIS ANDANDO, MÃE? MISERICÓRDIA, E ESSE NEGÓCIO NÃO MACHUCA, NÃO?

Não, é um sling. ela gosta.

EU TENHO PRA MIM QUE ISSO INCOMODA.

Olhe pra cara dela e veja se ela parece incomodada, minha senhora:

tumblr_static_bebe

 

Falando sério: quem quiser ler o relato do parto, pode clicar aqui.

 

Chá de Bebê
Previous Post Next Post

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply