Rapidinha: receita de repelente caseiro

Dengue bombando por aqui. Cada vez que ouço um caso, morro de medo pelos pequenos (e pelos grandes também, porque não?).

Recebi uma receita simples de repelente caseiro que, segundo disseram, pode ser usado em bebês e a divido com vocês:

Deixar 10g de cravo da índia de molho em 1 litro de álcool comum por 4 dias. Usar um vidro escuro, para melhor preservar as propriedades dos ingredientes. Agitar o frasco duas vezes por dia.

Coar os cravos e acrescentar 1 vidrinho de óleo de amêndoas.

Dengue

Cuidado com estes venenos vendidos em farmácias, viu, meninas!

Crie o site do seu Neném

Sobre Gabi Sallit

Gabriella Sallit virou Gabi ainda pequenininha. E, para não ter um filho que tivesse que explicar a vida inteira a grafia do seu nome (aprendeu a falar "meu Gabriela é com 2 Ls" antes de papai e mamãe), escolheu um nome pequenininho para o seu filhote. João está começando a falar e já escolheu como prefere ser chamado: Jão!

VENHA, e CONECTE-SE COM A VILA!

Receba as novidades em primeira mão!

Esta entrada foi publicada em Saúde e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

12 respostas a Rapidinha: receita de repelente caseiro

  1. Danielle disse:

    Eu não usaria em bebês, já que o álcool não é indicado nem para dar banho em caso de febre, por causar intoxicação.

  2. PATRICIA disse:

    PARA OS BEBÊS COM MENOS DE 3 ANOS NÃO É RECOMENDADO MESMO.
    DEVE-SE FAZER UMA OUTRA RECEITINHA:
    EM 100 ML DE CREME CORPORAL INDICADO PELO PEDIATRA, COLOCAR 20 GOTINHAS DE COMPLEXO B, QUE EXALA UM CHEIRINHO QUE OS PERNILONGOS NÃO GOSTAM… MISTURE BEM E APLIQUE NAS ÁREAS DESCOBERTAS DO BEBÊ.

  3. Maria disse:

    Este repelente caseiro funciona sim. Só que a receita está incorreta:
    1/2 (meio) litro de álcool comum.
    10 ou 15 gramas de cravo da índia
    100 ml de óleo corporal, mineral, amendoas, bebê …
    Juntar os cravos ao álcool num vidro e tampar. Deixar assim por 4 dias, dando uma mexida 2 vezes ao dia. Ao término desse período, coar o álcool e misturar o óleo. Está pronto o repelente.
    Eu fiz e estou usando. É muito eficiente contra pernilongos, maruins, borrachudos e outros insetos. RECOMENDO!

    • gabisallit disse:

      Bom saber, Maria! Obrigada pela correção!
      Resseca muito a pele? Já me disseram isso!

      • Maria disse:

        Não posso te responder com certeza, Gabisallit. Estou usando o repelente há poucos dias, e, como estou sempre fazendo algum trabalho doméstico, e isso inclui mexer com água e produtos de limpesa (sou dona-de-casa) e também tivemos mudança de estação com queda na temperatura, minhas mãos estão com a pele um pouco ressecada… Ah estou usando um creme noturno (nas mãos) para tirar manchas/sinais da idade. Portanto, fica dificil responder tua pergunta, mas até agora, nos pés e braços eu nada notei de alteração na pele.
        Penso que o óleo corporal ajude a evitar o ressecamento.

  4. Carla Tavares disse:

    Tentei usar repelente caseiro, mas não funcionou. Fiquei toda picada. Um médico me indicou esse aqui: http://www.exposis.com.br. Pode ser usado também em crianças acima de 2 anos. Fica a dica! Bjos

  5. Juliana disse:

    Muito boa essa receita! Parabéns!
    Só uma dúvida, o vidrinho de óleo de amêndoas é de quantos mililitros?
    Obrigada,
    Juliana.

    • gabisallit disse:

      Ich… Não sei! Eu usei um destes de farmácia, do tamanho de um vidro de acetona!

    • Francieli Camargo disse:

      Tdas as outras receitas indicam 100 ml de óleo para essa quantidade de álcool e cravos. Porém, é questionável o fato de poder usar em bebês. Pois, na maioria das receitas desse repelente divulgadas na internet, há observações de que NÃO É INDICADO APLICAR EM BEBÊS MENORES DE 3 ANOS. Então, é melhor darem uma pesquisada boa antes de passar em bebês menores do que essa idade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>